Outubro Rosa e a luta contra o câncer de mama

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email

Você sabe o que é Outubro Rosa?

Outubro Rosa é uma campanha que tem como objetivo mostrar as mulheres a importância do diagnóstico precoce do câncer de mama e, recentemente, do câncer de colo do útero.

Esse movimento começou a surgir nos anos 90, em um evento chamado “Corrida pela cura”, que tem como objetivo ajudar na prevenção do câncer. Nesta corrida, foram entregues laços rosas e, desde então, o evento acontece anualmente tendo como símbolo o laço. Outubro foi escolhido como mês de conscientização nacional dos Estados Unidos e, com com o passar do tempo, se espalhou pelo mundo.

Ajude essa causa!

O Outubro Rosa tem como propósito encorajar mulheres a cuidar da saúde. Neste período diversas instituições abordam o tema fornecendo conhecimento sobre o assunto e até mesmo disponibilizando exames de mamografia.

Precisamos conversar sobre o câncer de mama

Com certeza você já ouviu falar do câncer de mama, mas você sabe o que é?

O câncer de mama é uma doença maligna causada pela multiplicação desordenada das células da mama. O que resulta na formação de um ou mais tumores.

Perdendo para o câncer de pele não melanoma, o câncer de mama é a segunda doença que mais ataca as mulheres. No Brasil em 2018 foram cerca de 59.700 casos. primeira é o câncer de pele não melanoma. O câncer de mama quando descoberto o diagnóstico no início as chances de cura são de 95%. Na maioria dos casos ataca mulheres acima de 40 anos de idade. 

Temos que lutar contra o câncer de mama.

Tipos de câncer de mama

Há vários tipos de câncer de mama, os mais comuns são:

Carcinoma ductal invasivo

Conhecido também como infiltrante, é o mais comum de todos. Ele se instala no ducto mamário e no estágio avançado destrói a parede desse ducto. Expandindo-se dentro do tecido adiposo das mamas.

Carcinoma ductal in situ

As células cancerosas se localizam no interior dos ductos, ou seja, ainda não se espalharam. Por isso, as chances do seu desenvolvimento para uma metástase são bem pequenas.

Carcinoma lobular in situ

As células cancerígenas começam a crescer dentro dos lobos das glândulas responsáveis pela produção de leite que não romperam ainda a parede lobular. É menos agressivo e mais fácil de ser tratado.

Carcinoma Lobular invasivo

Geralmente se instala nos lóbulos mamários dos dois seios e também está associado ao surgimento do câncer no ovário. Este tipo é mais difícil de ser descoberto e as chances de se desenvolver nos tecidos ao redor do lóbulo e se espalhar pelo organismo são muito altas.

Doença de Paget

Esse tipo é mais raro de acontecer. Ele se desenvolve no tecido conjuntivo dos seios, como na região das aureolas ou mamilos. Os seus sintomas são vermelhidão na pele, dor, sensação de queimação, alta sensibilidade e coceira. Com tudo algumas vezes o paciente não apresenta sintomas definidos.

Prevenção

Você sabia que o autoexame é uma das formas de prevenção contra o câncer de mama? É muito importante a mulher conhecer o próprio corpo e perceber possíveis alterações. Por isso, separamos um passo a passo de como fazer esse exame. Vamos lá?

  1. Em pé, de frente ao espelho, observe o bico dos seios a superfície e o contorno das mamas.
  2. Levante os braços e continue analisando. Com o movimento aparecem alterações.
  3. Já deitada com a mão direita, apalpe a mama esquerda. Faça movimentos circulares suaves apertando levemente com as pontas dos dedos. Repita o movimento com a outra mama.

Mesmo assim, muitas vezes o tumor inicial não aparece no exame de toque. É importante se consultar com especialistas periodicamente.

O autoexame ajuda na prevenção contra o câncer de mama!

Com a adoção de medidas simples e saudáveis é possível reduzir a incidência do câncer de mama. Portanto tenha uma alimentação balanceada, pratique exercícios físicos, evite consumo de cigarro e bebidas alcoólicas. Quando tiver filhos, amamente por um longo período.

E se tiver algum caso na família significativo de câncer de mama e/ou ovário. É possível realizar um teste para analisar se a paciente é portadora de mutações genéticas que predispõem a doença.     

Prevenir é um ato de amor com você, com seu corpo e com todos que te amam.

Sintomas do câncer de mama

Nódulo

O caroço é a principal manifestação da doença. É duro e não diminui de tamanho.

Secreção

Pode haver a saída de líquido anormal das mamas.

Feridas ou crostas

Formam-se crostas ou feridas na pele junto do mamilo.

Assimetria entre as duas mamas

Alterações do tamanho da mama, como por exemplo uma maior que a outra.

Pele com textura de casca de laranja

A pele da mama fica avermelhada com veias visíveis, retraída com aspecto de casca de laranja.

Inversão do mamilo

Alterações no bico do peito, como se fosse um afundamento de uma parte da mama.

Coceira

Coceira no mamilo o que não melhora com uso de corticóide.

Tratamentos contra o câncer de mama

Motivação feminina

Cirurgia

Consiste na remoção do tumor, que pode envolver a retirada do máximo possível da parte afetada (quadrantectomia) ou da mama inteira (mastectomia). Nesse ultimo caso, a mulher poderá fazer uma reconstrução mamária.
É indicada para os casos em que o câncer ainda não espalhou-se para outras regiões do corpo.

Radioterapia

A radioterapia consiste na aplicação da radiação ionizante na região da mama afetada com um aparelho que lembra ao raio-X.

O tratamento é indicado para quem já fez a retirada do tumor. O tratamento ajuda a eliminar e inibir a disseminação dos elementos que formam o câncer.

Quimioterapia

É o tratamento com medicamentos para destruir o câncer, que podem ser administrados por via intravenosa (injeção numa veia) ou por via oral.   

É possível ainda complementar o tratamento com o auxílio de outros profissionais, como o de um psicólogo.

Ajude-nos a espalhar essa mensagem!

O diagnóstico da doença traz incertezas e medos principalmente relacionados a auto estima. Além das mudanças que ocorrem com o tratamento, como a perda de peso e queda de cabelo a mulher pode perder um dos órgãos que estão mais relacionados a sua feminilidade.

Diversas ações no mundo chamam atenção para isso. Desde monumentos decorados, pessoas vestidas com camisetas, o simples lacinho rosa, encontro de mulheres que venceram o câncer de mama e simpatizantes.  

Mesmo passando por esses processos, muitas mulheres conseguem lidar com essa situação e até mesmo ajudam outras nessa causa. Unidas elas são mais fortes para enfrentar cada obstáculo, não apenas neste mês de Outubro e sim o ano todo.

Não importa se você é homem ou mulher, compartilhe essa mensagem. Dessa forma nós ajudamos milhares de vidas!

Veja mais no Instituto Nacional do Câncer

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on email
Email

Veja também:

Liderança estratégica

Liderança estratégica

Vamos falar sobre algumas estratégias para aplicação da liderança estratégica. Entender cada um desses pontos pode ajudar muito você que é ou pretende se transformar em líder. Aprenda neste artigo algumas destas estratégias.

Leia Mais >

Deixe seu comentário: